GUERRA GUARANÍTICA

GUERRA GUARANÍTICA
A RESISTÊNCIA

VideoBar

Este conteúdo ainda não está disponível por conexões criptografadas.

VideoBar

Este conteúdo ainda não está disponível por conexões criptografadas.

VideoBar

Este conteúdo ainda não está disponível por conexões criptografadas.

VideoBar

Este conteúdo ainda não está disponível por conexões criptografadas.

VideoBar

Este conteúdo ainda não está disponível por conexões criptografadas.

sábado, 13 de fevereiro de 2010

SOBRE OS POVOS DO RIO GRANDE

QUE TODOS TINHAM DIREITO A HABITAR NESTE TERRITORIO, MAS QUE ERA DE PROPRIEDADE DOS GUARANIS E KAINGANGS, ISTO ERA!

Simões Lopes Neto em sua "terra Gaúcha" escreveu assim sobre os  povos que habitavam o Rio Grande do Sul:

OS INDÌGENAS:

Ao tempo da  primeira acostada do Brasil pelos  espanhóis-Vicente YÂnes Pinzon-26 de janeiro-  e Diego  de  Lepe-  -fevereiro a março- , e da descoberta- 21 de abril- e posse dele, em primeiro de maio  pelos portugueses -Pedro Alvares Cabral- os habitantes do Rio Grande do Sul, como os de todo o Brasil, eram o gentio disperso por numerosas tribos de povos muito atrasados em cultura, e não só na cor e nas feições, como na linguagem, os usos e costumes diferentes dos do velho continente."

Levados pelo erro em que se achavam de que a América era um prolongamento da Asia e , por conseguinte, as terras descobertas regiões orientais da cobiçada Ìndia que com tanto afã procuravam deram os europeus a esses estranhos povos o nome de "índios" que afinal veio a permanecer, apesar de descabido. 
as poucas tribos que habitavam este extremo  meridioal eram  oriundas do tronco tupi-pelos seus ramos-Goianás e Guarani- e viviam perambulando pelos  campos e matos, geralmente demorando próximo aos rios mais fortes, onde encontravam subsistência e defesa.
Do ramo  Guarani, provindo talvez da antiga taba  do lendário morubixaba Guaíra, assentada  cerca do SALTO DAS SETE QUEDAS  no rio  Paraná, desse ramo que, por certo, teria recebido  notícia e quiçá influência do povo boliviano-peruviano , ficaram alguns traços da organização, rudimentar, nos usos e costumes e linguagem dos descendentes.

Guarani= vem de "guarinin"-guerra
guarinihara=guerreiro

Cada uma destas tribos organizava-se por grupos de famílias aparentadas, vivendo em arranchamento comum, vários arranchamentos formando uma taba ou tetama. O chefe era o mais valente e forte e que representava a tribo, dirigia S EXPEDIÇÕES DE GUERRA OU DE CAÇA E COLHEITA, E GOVERNAVA COM A ASSITÊNCIA da Assembléia dos guerreiros, em tempo de paz o chefe não podia mandar nem castigar."